BLOG

Cielo aguarda Banco Central liberar pagamentos via WhatsApp

Cielo aguarda Banco Central liberar pagamentos via WhatsApp

Data31/07/2020 - 10:46:18h


De acordo com o Valor Econômico, Paulo Caffarelli, presidente da operadora de cartões de débito e crédito, Cielo, está apenas aguardando o Banco Central (BC) liberar as operações financeiras via WhatsApp. O executivo disse que isso deve ocorrer em breve, pois todos os documentos já foram entregues ao órgão, e a plataforma está pronta para retomar os testes, assim como entrar em funcionamento definitivo.

CONHEÇA O CONDOMÍNIO SÍTIOS CAMPO BELO:

Só falta o aval do BC

De acordo com Caffarelli, “O Banco Central, no seu direito de regulador com respeitabilidade mundial, achou por bem, antes do processo ir para o mercado, entender e reconhecer melhor”. “Não teve erro nenhum ou falha nenhuma de comunicação”, completou.

 

Com essas afirmações, o executivo quis dizer que o início das operações de pagamentos por WhatsApp no Brasil depende somente de questões burocráticas, já que não há pendências técnicas ou legais.

Outra informação confirmada por ele, é que não há exclusividade na parceria entre a Cielo e o Facebook para o registro das transações no serviço de pagamentos via WhatsApp.

Taxa de 3,99%

O serviço deve surgir como uma opção viável e atraente, que visa substituir outros meios de pagamentos já estabelecidos. Por isso, a taxa cobrada nas transações de pagamentos para varejistas será de 3,99%, o que é inferior à cobrada atualmente pelo mercado.

Já nos pagamentos realizados entre pessoas físicas, o custo será bancado pelo WhatsApp.

Compatibilidade total com o Pix

Caffarelli ainda explicou que a plataforma de pagamentos via WhatsApp vai obedecer a todas as exigências de compatibilidade com o Pix, que é a plataforma de pagamentos instantâneos lançada pelo BC.

Agora, o BC e o mercado vão discutir sobre a estrutura de cobranças do Pix, o que envolve definir a taxa que será cobrada nas transações. É esperado que o valor seja igual ao que já é cobrado pelos estabelecimentos comerciais.

Enquanto isso, a Cielo está desenvolvendo seu próprio serviço de pagamentos instantâneos para concorrer com o Pix e o WhatsApp.

Fonte: https://www.tecmundo.com.br/mercado/155730-cielo-aguarda-banco-central-liberar-pagamentos-via-whatsapp.htm

Fale com um
corretor

Mapa